BLOG VEJA AGORA - Notícias com veracidade dos fatos

Vereador Leandro Bello desenvolve um grandioso trabalho ao povo timonense

Vereador Leandro Bello ladeado por moradores do povoado São Roque

Vereador Leandro Bello ladeado por moradores do povoado São Roque

O Vereador Leandro Bello, continua mostrando serviço e apoiando as comunidades do município de Timon, por meio de seu requerimento, foi construída a ponte que passa sobre o Riacho do Povoado São Roque,um desejo muito antigo da população. Há mais de 15 anos os moradores sofriam, pois na época de chuvas, ficavam ilhados, as crianças passavam por muita dificuldade para ir a escola e os adultos para cumprirem seus afazeres.

O vereador tem feito grandes esforços para atender às demandas das comunidades, e, com o trabalho sério que vem desenvolvendo no legislativo timonense, vai se destacando e recebendo apoio da população.

É com muita satisfação que hoje retornei a comunidade para entregar esta obra, que foi um requerimento meu, e prontamente foi atendido pela Prefeitura Municipal de Timon“, Disse Leandro Bello.

Waldir Maranhão é mais sujo que Dilma, afirma jornal norte-americano

Políticos que votam impeachment são acusados de mais corrupção que Dilma, diz jornal americano. A afirmação é do jornal americano Los Angeles Times. Segundo a Transparência Brasil, dos 65 membros da comissão, 37 enfrentam acusações de corrupção ou outros “crimes graves”

Waldir Maranhão responde vários processos na justiça

Waldir Maranhão responde vários processos na justiça

A crise política brasileira continua atraindo as atenções da imprensa internacional. O jornal americano Los Angeles Times divulgou um levantamento feito pela ONG Transparência Brasil sobre os políticos que estão incumbidos de analisar o pedido de impeachment da presidente Dilma Rousseff.

No título da reportagem, a publicação diz: “Os políticos que votam o impeachment da presidente do Brasil são acusados de mais corrupção do que ela”.

LA Times

Ao longo do texto, o jornal cita números pesquisados pela ONG sobre os integrantes da Comissão Especial do Impeachment, formada na Câmara para emitir um parecer sobre o pedido de afastamento da petista, e o Congresso como um todo.

Segundo a Transparência Brasil, dos 65 membros da comissão – formada por deputados de partidos que apoiam o governo, da oposição e dos chamados independentes –, 37 enfrentam acusações de corrupção ou outros “crimes graves”, conforme cita a publicação americana.

“Cinco membros da comissão são acusados de lavagem de dinheiro, outros 6 de conspiração e 19 são investigados por irregularidades nas contas; 33 são acusados ou de corrupção ou de improbidade administrativa; ao todo, 37 membros foram acusados, alguns deles de crimes múltiplos”, afirma.

O Los Angeles Times pondera que os dados fornecidos pela ONG ainda não incluem as informações mais recentes da 26ª fase da Operação Lava Jato, deflagrada na semana passada, e que tem como alvo executivos da Odebrecht e doleiros.

Uma lista da construtora citando mais de 200 políticos de diversos partidos que teriam recebido doações da empresa foi divulgada pela Polícia Federal – e depois colocada sob sigilo pelo juiz federal Sergio Moro –, mas ainda não há confirmação sobre a legalidade ou não desses repasses.

“Dilma Rousseff, por sua vez, nunca foi investigada oficialmente ou acusada de corrupção, apesar de ela ter uma impopularidade gigantesca atualmente e ser considerada culpada pela recessão profunda em que o país se encontra”, afirma o jornal americano.

A abertura do processo de impeachment precisa de aprovação de dois terços dos deputados antes de ir ao Senado. A presidente só será afastada caso a maioria simples dos senadores também dê aval à decisão da Câmara. Caso isso ocorra, ela ficará afastada por até 180 dias à espera do julgamento final pela Casa.

Dos onze deputados eleitos para compor a presidência e mesa diretora da Câmara, oito têm ou tiveram problemas na Justiça ou nos Tribunais de Contas (a média da casa é de 57%). Na lista, há compra de votos, lavagem de dinheiro, fraude em licitações e submissão de trabalhadores a regime análogo à escravidão, entre outros. Dos oito, quatro já sofreram alguma condenação.

Eduardo Cunha (PMDB-RJ)

Cargo: Presidência

Crimes: O parlamentar foi multado juntamente com Domingos Brazão (PMDBRJ) por captação ilícita de sufrágio e por uso eleitoral de serviços custeados pelo poder público na campanha eleitoral de 2006. Brazão ofereceu benefícios de um programa estadual a condomínios em Jacarepaguá e na Baixada Fluminense que apoiassem a campanha política dos dois candidatos. Embora a lei eleitoral preveja cassação de mandato em caso de compra de votos, o parlamentar recebeu apenas multa porque a Justiça Eleitoral decidiu pela condenação somente em 2012, quando seu mandato já havia terminado. Cunha recorre da condenação.

Waldir Maranhão (PP-MA)

Cargo: 1ª Vice-Presidência

Crimes:  Teve rejeitada prestação de contas referente às eleições de 2010 para deputado federal por recebimento de recurso de fonte não identificada. Recorreu da decisão, que foi mantida.  É alvo de inquéritos que apuram crime de lavagem de dinheiro no esquema investigado pela Operação Miqueias da Policia Federal, que consistia em desvio de recursos de fundos de pensão e lavagem de dinheiro. É alvo de representação movida pelo Ministério Público Eleitoral por captação ilícita de recursos. Processo corre sob segredo de justiça.

Detentos concluem pavimentação e paisagismo do estacionamento do CDP de Pedrinhas

sejap2

O trabalho, executado por um grupo de internos, utilizou mais de 23 mil blocos de concreto (blokretes) produzidos na fábrica própria, instalada pela Secretaria Estadual de Administração Penitenciária (Sejap) no Complexo de Pedrinhas. Após a conclusão desta primeira etapa de revitalização do estacionamento do CDP, os detentos já iniciaram o paisagismo em canteiros que vão ornamentar a fachada do local, que tem área total de 114 metros quadrados. As ações integram o processo de ressocialização de apenados, instituído pelo Governo do Maranhão, que prepara e qualifica os internos para o mercado de trabalho.

“A revitalização do complexo não se resume a uma simples pintura na fachada. Ao contrário, é o reflexo de um Governo organizado e comprometido com a questão prisional. O conjunto de unidades prisionais instalado no bairro Pedrinhas se transformou em um canteiro de obras, com a mão-de-obra dos próprios internos que, ao término dos serviços, na capital, seguirão trabalhando, com remuneração, na recuperação dos estabelecimentos penais do interior”, disse o secretário de Administração Penitenciária, Murilo Andrade de Oliveira.

Em menos de seis meses, desde o início da operação da fábrica em outubro de 2015, os internos já produziram mais de 28 mil blocos, além de 675 peças de meio-fio. A pavimentação de concreto está sendo realizada nos estacionamentos, passarelas e meios-fios do Complexo. Agora, eles trabalham no plantio de alfinetes nos canteiros ao redor do estacionamento. A Sejap adquiriu 12 mil mudas que farão a composição das fachadas de cada prédio localizado no Complexo de Pedrinhas e nas outras unidades prisionais de São Luís.

Segundo a supervisora de Trabalho e Renda da Sejap, Grazielle Bacellar, os internos são selecionados a partir de uma avaliação multidisciplinar para cada tipo de capacitação e respectiva atividade afim. No caso dos blocos de concreto, os internos revezam-se entre o processo de fabricação e o de disposição das peças na pavimentação de cada área.

“Dentro de cada unidade, temos uma equipe de classificação dos internos, que participam de entrevistas com vários profissionais, como terapeutas ocupacionais, psicólogos e médicos. Conforme a demanda da maioria, buscamos parcerias para trazer os cursos de capacitação”, explica Grazielle Bacellar.

Mais de 1.400 detentos em capacitação

Para expandir a cartela de cursos e atender com o máximo de temáticas solicitadas nas qualificações, a Sejap firmou parcerias com a iniciativa privada e com outros órgãos públicos. Empresas como a Inovva, a Mdal Consultoria em Segurança do Trabalho, Instituto Masan, O Ciclismo e a Secretaria Municipal de Agricultura, Pesca e Abastecimento (Semapa) oferecem facilitadores para conduzir as aulas e auxiliar no processo de aprendizagem de novos ofícios. Ao todo, 1.400 internos participam de capacitação e desenvolvem a partir delas alguma nova atividade nos presídios em todo o Maranhão.

A meta é desenvolver habilidades já pré-dispostas nos detentos a fim de deixá-los aptos e capacitados ao mercado de trabalho. O trabalho também colabora com o desenvolvimento psicossocial dos internos, que fortalecem o relacionamento interpessoal, a noção de equipe, sentem-se úteis na prática de atividades e melhoram a autoestima.

Paralelamente aos cursos onde aprendem a fabricar e instalar os blokretes, por exemplo, os internos também recebem cursos de uso adequado de Equipamentos de Proteção Individual (EPI). “Eles são remunerados, assistidos por uma equipe psicossocial e desfrutam de cursos profissionalizantes, justamente para que saiam daqui como mão-de-obra especializada”, conta Grazielle.

A supervisora de Trabalho e Renda da Sejap contabiliza os cursos já ministrados e os que começarão em breve. Segundo ela, de serralheria a panificação e artesanato, cada oficina e capacitação atrai parte do público alvo. No Centro de Reeducação e inclusão de mulheres apenadas (Crisma),25 mulheres participam do curso Mãos de Fada, pelo qual elas aprendem pintura, bordado, crochê e outras práticas artesanais.

VÍDEO: ESCÂNDALO NA LICITAÇÃO DE TRANSPORTE COLETIVO DE SÃO LUÍS

Guarda Chuva

Meus amigos, o mundo está acabando para o prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT). Depois de aumentar a passagem para R$ 2,90, uma das mais caras do Brasil, Edivaldo e Canindé Barros submetem a população ludovicense a andaram em sucatas velhas e agora com guarda-chuvas dentro dos ônibus, neste período chuvoso.

LICITAÇÃO

A prefeitura lançou um edital fajuto, ontem (28), que se analisado, só sairá do papel, no segundo semestre, às vésperas da eleição. Analistas dizem que esta licitação está comparada ao VLT de Castelo, que trouxe o transporte também às vésperas das eleições e foi enterrado pelo prefeito Edivaldo e Canindé Barros.

O que ocorre na área de transporte na administração do prefeito Edivaldo Holanda Júnior é um verdadeiro escândalo. Veja o vídeo registrado dentro de um coletivo que faz a linha Divinéia / Kennedy, nesta manhã de hoje, na hora da chuva.

 

GEOP CAPTURA PRESOS QUE FUGIRAM DA CADETE

O Grupo Especial de Operações Penitenciárias – GEOP, vem atuando forte contra a fuga de presos na penitenciária de Pedrinhas. O grupo capturou dois presos que fugiram na madrugada desta segunda-feira (7). Os presos pularam o muro da casa de detenção CADETE.

O GEOP é a elite do sistema penitenciário, para se chegar até este posto, o agente passa por uma série de treinamentos para uma ocasião dessas agir fortemente.

GEOP

"MUITO ME COMOVEU" DIZ SARNEY AO AGRADECER MENSAGEM DE FÁBIO CÂMARA

2016-02-27 11.16.18

O ex-presidente da Republica e ex-senador, José Sarney, divulgou, por meio de sua assessoria de imprensa, uma carta de agradecimentos ao vereador Fábio Câmara pelas mensagens que recebeu durante a sua recuperação.

“Meu caro Fábio, sua amizade e seu apoio, durante minha recuperação do acidente que sofri no Maranhão, muito me comoveu e a toda minha família. Receba nosso abraço com profunda gratidão”, diz a nota assinada pelo ex-senador.

SAI RESULTADO FINAL DO CONCURSO PARA PROFESSOR DO MARANHÃO

concursoprofessorma

A Fundação Sousândrade divulgou o resultado final do concurso para professor da rede estadual do Maranhão após análise de títulos. Claro que ainda cabe recurso, de hoje (5) até o dia 11 de fevereiro.

Confira a relação de aprovados e detalhamento das notas

Verifique seu desempenho individual aqui

O concurso de 1.500 vagas para professor com salário de R$ 4.985,44 (vencimento e 104% de Gratificação de Atividade do Magistério) para a jornada de 40 horas semanais.

Além de São Luís, o concurso também foi aplicado nas cidades de Bacabal, Balsas, Caxias, Imperatriz, Pinheiro, Timon, Codó e Santa Inês.

NOVO PRESÍDIO DE IMPERATRIZ COMEÇA A OPERAR, ESSA SEMANA, COM 204 NOVAS VAGAS

sejap

A Unidade Prisional de Ressocialização de Imperatriz (UPRI 2) já está pronta para receber, esta semana, pelo menos 190 presos que cumprem pena nas cidades da região Tocantina. Com a entrega do novo presídio, o Governo do Estado atende ao Termo de Compromisso firmado com o Conselho Nacional de Justiça (CNJ), em junho de 2015, e abre mais 204 novas vagas no sistema prisional maranhense.

O secretário de Estado de Administração Penitenciária (Sejap), Murilo Andrade de Oliveira visitou, na segunda-feira (11), as dependências da nova unidade prisional, cuja obra passou oito anos parada, devido a problemas contratuais. “A UPR de Imperatriz nunca havia saído do papel. Em 2015, o Governo do Estado deu continuidade a obra que, agora, é uma realidade, uma prova do compromisso demonstrado pela gestão estadual”.

Construída para alojar presos sentenciados, a UPRI 2 possui 18 celas, sendo 16 delas com capacidade para 12 presos, e duas com espaço para seis apenados. Em uma estrutura de 62.500m², a unidade prisional possui ampla área para “banho de sol”, quadra poliesportiva e seis celas de visita íntima. O estabelecimento penal foi adaptado para receber Portadores de Necessidades Especiais (PNE), tanto visitantes comuns quanto aqueles em conflito com a lei.

O presídio dispõe de espaço para vista de familiares e setores administrativos, onde funcionam as salas das assistências. Com a unidade em funcionamento, mais de 60 postos de trabalho serão garantidos. “Além dos agentes penitenciários, 45 auxiliares de segurança penitenciária; cinco especialistas penitenciários; dois técnicos penitenciários de enfermagem e três técnicos penitenciários administrativos farão parte do quadro funcional da unidade”, listou o secretário.

Transferência

A transferência dos presos da região para o novo presídio de Imperatriz será gradativa. A operação, que por motivo de segurança acontece em dias e horários não informados, contará com a participação de agentes penitenciários, policias do Grupo Especial de Operações Penitenciária (Geop), da Supervisão de Segurança Externa, entre outros agentes penais.

No cronograma da Sejap está previsto, ainda no primeiro semestre do ano, a operação de mais três unidades prisionais, a unidades de Pedreiras, Timon e Pinheiro. A proposta do governo estadual é abrir pelo menos 1.800 novas vagas no sistema prisional do Maranhão, ainda no primeiro semestre de 2016.

HUMORISTA SHAOLIN MORRE AOS 44 ANOS

humoristas-shaolin-9

O humorista Shaolin, 44 anos, morreu nesta quinta-feira (14), às 2h15. A triste notícia foi confirmada pelo filho dele, Lucas Veloso, por meio das redes sociais.

Em um texto no Instagram, o filho mandou um recado emocionado para o pai dizendo “Descanse em paz, meu guerreiro”!

— Desejo honrar sua alegria todos os dias!

Nesta quarta-feira (13), o humorista deu entrada na UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) da clínica particular Santa Clara, em Campina Grande, na Paraíba. Ele apresentava uma infecção respiratória.

O corpo de humorista será velado e enterrado no Cemitério Campo Santo Parque da Paz ainda hoje, segundo informou ao R7 o genro do humorista, Ricardo.

O velório será aberto ao público das 11h às 15h. O sepultamento está previsto para acontecer às 17h.

Shaolin deixa a mulher, Laudiceia Veloso, e dois filhos, Lucas e Gabriela. Em seu Facebook, Laudiceia publicou uma mensagem emocionada de luto.

— Depois de 1821 dias, nosso guerreiro terminou sua batalha. É com muita tristeza que divido a nossa dor com todos vocês. Shaolin apresentou um quadro febril nesta terça e que, infelizmente evoluiu para uma infecção, precisando de internação imediata. Recebemos a notícia do hospital, neste momento, que ele sofreu uma parada cardiorrespiratória e não resistiu. Obrigada a todos pelas orações e pela força! “Combati o bom combate, acabei a carreira, guardei a fé.” 2 Timóteo 4:7.

Desde que sofreu um grave acidente de carro, a saúde de Francisco Josenilton Veloso não era a mesma. No dia do acidente, ele dirigia seu carro em Campina Grande, um modelo Pajero, pela BR-230, quando seu veículo foi atingido na lateral por um caminhão que manobrava no acostamento da estrada.

 

DELEGADO DE COROATÁ COMETE SUICIDIO

Delegado Alex Aragão Comete Suicídio

O delegado titular do município de Coroatá, que fica localizado há 270 km da capital São Luís, cometeu suicídio com sua própria arma de fogo e segundo pessoas mais próximas, o delegado Alex Aragão deixou uma carta, dizendo que estava muito chateado com o Sistema de Segurança Pública do Maranhão e vinha sofrendo represálias do órgão estadual comandado pelo secretário Jefferson Portela (PCdoB), mesmo partido do governador Flávio Dino.