BLOG VEJA AGORA - Notícias com veracidade dos fatos

Brandão e ministro da Infraestrutura dialogam sobre duplicação da BR-135

Amistosidade e unidade marcaram o primeiro encontro da bancada federal maranhense com o ministro de Infraestrutura, Tarcísio Freitas, nesta quarta-feira (9). O governador interino, Carlos Brandão, que liderou o encontro, esteve acompanhado, além de deputados federais e recém-eleitos, da senadora eleita Eliziane Gama, dos prefeitos Cleomar Tema (Tuntum) e Sidrack Feitosa (Morros), e de membros do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT). Juntos, dialogaram sobre a obra para concluir a duplicação da BR-135.
Carlos Brandão e os demais presentes apresentaram questões importantes para a conclusão do serviço, como: urgência na resolutividade da logística para distribuição de produtos, com a chegada de novos investimentos internacionais para o Maranhão; trechos intrafegáveis (de Miranda a São Mateus, por exemplo); além do fato do Maranhão hoje ter a única capital brasileira sem uma BR principal de escoamento finalizada, por conta da duplicação que ainda não foi concluída.
Outro ponto importante foi a abordagem da problemática histórica da BR-226. Muitos destacaram que a rodovia federal, além de nunca ter tido avanço em sua concretização, está há dois anos sem manutenção e representa um grande problema para o Maranhão e outros estados que dela dependem para trafegar e escoar suas produções, como é o caso do Tocantins e do Rio Grande do Norte.
Dois aspectos delicados foram abordados pela comitiva maranhense durante a reunião com o ministro, que pediu atenção especial das autoridades federais para a questão das comunidades tradicionais quilombolas que se localizam ao longo da área de construção da duplicação; além da inexequibilidade das obras por questões de licitação e orçamento para isso. Também foram abordados os problemas derivados do abandono das obras, incluindo os de responsabilidade da Hytec Construções Terraplanagem na BR-226.
Soluções viáveis
O ministro Tarcísio Freitas se mostrou interessado em resolver todas as questões o quanto antes. “É uma honra, uma alegria muito grande receber a bancada maranhense. A alocação do financiamento para continuação das obras será negociada. A estratégia: concentrar a estrutura em uma ação. Por isso, sentar com a bancada é tão importante”, ressaltou o ministro.
Na ocasião, ele esclareceu que as malhas viárias possuem níveis diferentes de demandas e recursos. Os trechos muito prejudicados serão priorizados, dentro da perspectiva dos recursos disponíveis para esse ano. Por fim, Tarcísio Freitas destacou que o Maranhão leva vantagem nas atenções do Ministério pela capacidade futura de escoar produtos para o restante do Brasil. “Quero registrar o excelente trabalho desenvolvido pela Empresa Maranhense de Administração Portuária (Emap). O Maranhão é expoente e tem se preparado para ter um grande destaque na logística portuária e rodoviária de nosso país”, afirmou.
O ministro destacou que a oitiva prévia das comunidades quilombolas deve ser atendida; e que as resoluções para os impasses na conclusão da BR-135 serão realizadas em conjunto com a gestão estadual, sendo o primeiro passo a intermediação do licenciamento ambiental pela Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Recursos Naturais (Sema). O governador interino destacou que a Sema dará a celeridade necessária na análise do licenciamento para que o governo federal faça a sua parte. “A Sema dará o conforto para o DNIT reiniciar os seus trabalhos”, ponderou Carlos Brandão.
Quanto ao processo de conclusão da BR-226, tão debatida e cobrada ao longo dos anos por gestores municipais e até mesmo por Carlos Brandão, no período em que esteve na Câmara Federal, o ministro Tarcísio Freitas foi categórico: “Seremos intolerantes com empresas com adimplemento de contrato”. Ele reconheceu que, no caso das obras da BR-226, o orçamento era inexequível. “Estudaremos a atuação da Hytec Construções Terraplanagem e tomaremos as medidas legalmente cabíveis”, garantiu.
Participaram da reunião com o ministro Tarcísio Freitas, os deputados federais Márcio Jerry, Aluísio Mendes, Bira do Pindaré, Hildo Rocha, Juscelino Filho, Júnior Lourenço, Pastor Gildenemyr, Pedro Fernandes e André Fufuca.

Pedro Lucas Fernandes É O Novo Líder Do PTB Na Câmara Para 2019

Roberto Jefferson (E), Pedro Lucas Fernandes (centro) e Jovair Arantes (D)

O deputado eleito Pedro Lucas Fernandes (PTB-MA) foi escolhido líder do partido na Câmara para o ano de 2019. A escolha foi feita por aclamação pelos deputados federais do partido que tomarão posse em 1º de fevereiro do ano que vem.

A reunião ocorreu na sede do PTB em Brasília e contou com a participação do atual líder da bancada, Jovair Arantes (GO), do presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson, e de deputados da atual bancada na Câmara.

“É uma satisfação muito grande ter Pedro Lucas Fernandes me sucedendo na liderança que ocupei por tantos anos”, declarou Jovair Arantes. Disse ainda que, apesar de jovem, a bancada dos novos deputados deu uma prova de maturidade ao escolher o futuro líder por aclamação e debatendo a importância do partido no Parlamento.

Para Roberto Jefferson, a escolha de Pedro Lucas “fortaleceu a bancada que, apesar de pequena, demonstra consenso e qualidade”.

Assim que foi aclamado, Pedro Lucas Fernandes afirmou que pretende contribuir para fortalecer o PTB na Câmara e manter diálogo aberto com os demais partidos representados na Casa.

“O PTB não é um partido qualquer. O PTB tem história, tem futuro e agora será composto por 10 novos parlamentares que vêm com muita energia”, disse o futuro líder.

União

Para 2019, Pedro Lucas Fernandes quer manter o PTB na Câmara unido, embora saiba que possa haver divergências na bancada. Para resolver os problemas, defende o debate com o objetivo de chegar a um consenso.

“O debate é salutar dentro da liderança, mas espero que possamos votar unidos. Até agora, é uma bancada pequena, de 10 parlamentares. Então, temos que buscar essa unificação constantemente, para que o partido não se divida e possa ter o espaço que merece”, afirmou.

Alternância de poder

O futuro líder do PTB na Câmara também disse que vai manter o que foi acordado com os futuros deputados: alternância de poder na liderança. A cada ano, o partido terá um novo líder.
A ideia é oxigenar a liderança e permitir essa rotatividade entre os deputados.

“Neste primeiro ano, estarei ouvindo todos e levando a melhor proposta para o bem do PTB e para o bem do Brasil”, destacou.

Transparência

Pedro Lucas também assumiu o compromisso de fazer uma liderança com base na transparência, ouvindo todos os demais deputados do PTB e colocando em discussão as melhores ideias.

E disse que pretende, neste ano de liderança, aproximar ainda mais os cidadãos de todos os cantos do Brasil das votações que serão feitas na Câmara dos Deputados em 2019.

Biografia

Vereador de São Luís (MA) por dois mandatos consecutivos, Pedro Lucas Fernandes foi eleito deputado federal com 111.538 votos.É administrador de empresas e especialista em Planejamento Governamental. Também é filho do deputado federal Pedro Fernandes (PTB-MA).

Pedro Lucas foi presidente da Agência Executiva Metropolitana (Agem), criada por lei estadual em 2015 para gerir a Região Metropolitana da Grande São Luís, que engloba Alcântara, Axixá, Bacabeira, Cachoeira Grande, Icatú, Morros, Presidente Juscelino, Paço do Lumiar, Raposa, Rosário, Santa Rita, São José de Ribamar e São Luís.

 

Vereador Marquinhos vai quebrar a caixa-preta da CEMAR em São Luís

Vereador Marquinhos luta contra cobranças indevidas na conta de energia de milhares de famílias ludovicenses

O vereador Marquinhos (DEM), vai atuar em uma ampla frente contra a Companhia Energética do Maranhão – CEMAR, segundo o vereador a empresa está fazendo cobrança absurdas e abusivas contra milhares de clientes.

Ainda segundo o vereador, a companhia está elevando os preços de suas tarifas sem nenhum controle e o pior, não tem um órgão fiscalizador que tome alguma providência.

Os casos mais absurdos são constatados na cobrança da Contribuição de Iluminação Pública – em que a Lei Municipal Nº 4.135 estabelece critérios no consumo de KW/h. 

O parlamentar solicitou uma audiência pública para tratar de forma mais enérgica o assunto.

A audiência deve acontecer antes do recesso e serão convidados, a Promotoria do Consumidor e o PROCON, além da sociedade civil organizada e a imprensa em geral. O vereador conta com o apoio dos seus pares e está confiante que a CEMAR, terá por parte do parlamento municipal a cobrança devida para que ela explique as suas cobranças “indevidas”.

Beto do Comércio vai assumir na Câmara Municipal de São Luís

Beto do Comércio vai assumir na Câmaraunicipal de São Luís 

O Blog recebeu informações de bastidores que o suplente de vereador Beto do Comércio (PHS), vai assumir por cerca de 4 meses na Câmara Municipal de São Luís.

Beto do Comércio é da comunidade do Lira e teve quase 2 mil votos na última eleição municipal, em 2016. Ele assume na vaga do vereador Sá Marques, que deve tirar licença de 120 dias para tratamento de saúde.

Escândalo!!! Prefeitura de São Bento vai gastar R$ 1,8 milhão em combustíveis

A Prefeitura de São Bento, administrada por Luís Gonzaga Barros, contratou o Posto de Combustível El Shadday, de propriedade de Aldelice Rodrigues Barros Pereira e Florisvaldo Mauro Pacheco Pereira, por cifras milionárias.

Segundo o Diário Oficial, o valor do contrato foi orçado em R$ 1.803.879,00 (um milhão, oitocentos e três mil e oitocentos e setenta e nove reais).

O acordo contratual foi assinado em 14 de setembro de 2018 pelo Secretário Municipal de Finanças, Raimundo Nonato Oliveira Rodrigues.

O Posto El Shadday fornecerá combustíveis por 12 meses à Prefeitura de São Bento.

Bomba!!! Vereador diz que vai entrar na justiça para quebrar caixa-preta da SMTT e da Semosp

Marquinhos quer quebrar a Caixa-preta da Contribuição de Iluminação Pública e de valores arrecadados com multas e apreensões de veículos 

O vereador Marquinhos anunciou da Tribuna da Câmara Municipal de São Luís, que vai pedir informações para as secretarias de Trânsito e Transportes e Obras do município, sobre os recursos arrecadados com multas, convênios e outros orçamentos da SMTT, dos recursos do Fundo de iluminação pública da Semosp.

O vereador quer informações detalhadas  de quanto foi arrecadado e quanto foi gasto em benefício do povo de São Luís. Afirmou ainda que se não forem passadas as informações, vai entrar na justiça contra o município para que obrigue o prefeito a presta esclarecimentos.

 

Ouça agora, o áudio em que o vereador falou da Câmara municipal de São Luís, na última quarta-feira (24).

Prefeitura de Cururupu vai gastar R$ 442 mil em camisas

A Prefeitura de Cururupu vai cifras altíssimas com a empresa J.R.F Silva Indústria e Comércio, de nome fantasia Malharia M. Lony, localizada naquela cidade.

O contrato firmado entre ambas as partes prevê a confecção de camisas padronizadas para servidores das Secretarias Municipais.

O valor disponibilizado pela Prefeitura é de R$ 442.000,00 (quatrocentos e quarenta e dois mil reais). O contrato foi assinado no dia 1º de agosto de 2018 pelo responsável legal da Empresa, José Ribamar Fonseca Silva e pela prefeita municipal, Rosaria de Fátima Chaves.

Veja, Nove partidos elegem deputados, mas não alcançam cláusula de barreira

Dos 30 partidos que elegeram parlamentares nas eleições deste ano, nove não atingiram a cláusula de barreira: PCdoB, Rede, Patri, PHS, PRP, PMN, PTC, PPL e DC. Isso significa que eles não terão acesso a dinheiro do Fundo Partidário nas eleições de 2020. Não elegeram parlamentares e também não atingiram a cláusula de barreira: PRTB, PMB, PCB, PSTU e PCO, Os números foram levantados pelo Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar (Diap). A entidade também aponta que a quantidade de partidos com representação no Congresso também aumentou: saiu de 28 em 2014 para 30 este ano. Ao todo, o Brasil tem 35 partidos registrados pelo Tribunal Superior Eleitoral.

Confira a relação dos suplentes de deputado estadual e federal no Maranhão

SUPLÊNCIA DO CHAPÃO (PCdoB / PRB / PPS / SD / PROS / PTC / PTB / PSB / DEM / AVA / PPL)

1° – EDIVALDO HOLANDA PTC (32.916 votos)

2° – HEMETERIO WEBA PP (votação não computada)

3° – ARISTON AVA (31.314 votos)

4° – ZITO ROLIM PDT (30.647 votos)

5° – VALÉRIA MACEDO PDT (29.650 votos)

6° – BELEZINHA PR (28.793 votos)

7° – RAIMUNDO CUTRIM PCdoB (26.403 votos)

8° – FRANCISCA PRIMO PCdoB (25.748 votos)

9° – AUGUSTO DE JESUS PRB (24.093 votos)

10° – SERGIO FROTA PR (23.331 votos)

11° – JUNIOR VERDE PRB (21.641 votos)

12° – KLEBER TRATORZÃO PP (20.869 votos)

13° – ROGERIO CAFETEIRA DEM (18.754 votos)

14° – MANOEL RIBEIRO PRB (16.836 votos)

15° – DR. LEVI PONTES PCdoB (16.646 votos)

COLIGAÇÃO (MDB / PV / PSD / PSC / PMB / PRP)

1° – SOCORRO WAQUIM MDB (19.521 votos)

2° – LEO CUNHA PSC (17.543 votos)

3° – ANDREA MURAD PRP (17.233 votos)

4° – BARBARA SOEIRO PSC (16.470 votos)

5° – FATIMA AVELINO MDB (11.701 votos)

6° – SOLINEY SILVA MDB (11.486 votos)

7° – CORONEL EGIDIO MDB (7.431 votos)

8° – ISAAC DIAS FILHO MDB (4.654 votos)

COLIGAÇÃO (SOLIDARIEDADE / PATRIOTA)

1° – FABIO BRAGA SD (28.973 votos)

2° – TOCA SERRA PATRI (24.230 votos)

3° – JOTA PINTO PATRI (24.185 votos)

4° – SERGIO VIEIRA SD (19.537 votos)

5° – MARLEIDY BERNABE PATRI (14.575 votos)

6° – CABO CAMPOS PATRI (8.714 votos)

7° – DR. AIRTON SD (6.861 votos)

8° – CORONEL PEREIRA SD (6.202 votos)

COLIGAÇÃO (PTB / PROS / PPS / PPL)

1° – MARCOS CALDAS PTB (27.322 votos)

2° – DRª SÔNIA PTB (6.435 votos)

3° – CÂNDIDO DE MADUREIRA PTB (5.393 votos)

4° – DR MAURO CÉSAR PTB (3.551 votos)

5° – HENRIQUE VIGILANTE PPL (3.028 votos)

COLIGAÇÃO (PMN / PHS)

1° – PASTOR RIBINHA PMN (14.638 votos)

2° – ROSE SALES PMN (9.966 votos)

3° – SOLDADO LEITE PMN (8.130 votos)

4° – PR. ALEX PMN (6.106 votos)

5° – HENRIQUE JÚNIOR PMN (5.950 votos)

SUPLÊNCIA DO PRTB QUE SAIU SOZINHO

1° – BETEL GOMES PRTB (21.687 votos)

2° – MARCIAL LIMA PRTB (20.669 votos)

3° – DR. GUTEMBERG PRTB (11.133 votos)

SUPLÊNCIA DO PSL QUE SAIU SOZINHO

1° – BINÉ FIGUEIREDO PSL (NÃO FOI COMPUTADO)

2° – FABIO CÂMARA PSL (14.838 votos)

3° – MARIANA CARVALHO PSL (13.781 votos)

4° – TENENTE MAURO PSL (7.582 votos)

SUPLÊNCIA DO PT QUE SAIU SOZINHO

1° – LUIZ HENRIQUE LULA DA SILVA PT (18.722 votos)

2° – HONORATO PT (16.799 votos)

3° – AURELIO PT (15.176 votos)

SUPLÊNCIA DO PSDB QUE SAIU SOZINHO

1° – GUILHERME PAZ PSDB (20.390 votos)

2° – ANTUNES MACÊDO PSDB (6.010 votos)

3° – DR. BENTIVI PSDB (2.616 votos)

RELAÇÃO DOS DEPUTADOS FEDERAIS

SUPLÊNCIA DO CHAPÃO (PCdoB / PRB / PPS / SOLIDARIEDADE / PROS / PTC / PTB / PSB / DEM / AVANTE / PPL)

1° – SIMPLÍCIO ARAÚJO SD (74.058 votos)

2° – GASTÃO VIEIRA PROS (57.864 votos)

3° – DR.ELIZABETH GONÇALO AVA (56.108 votos)

4° – LEANDRO BELLO DEM (12.873 votos)

5° – JACONIAS MORAES PROS (10.979 votos)

COLIGAÇÃO (PDT / PP / PR / PATRI)

1° – PAULO MARINHO JUNIOR PP (55.755 votos)

2° – DEOCLIDES MACEDO PDT (39.328 votos)

3° – ILDON MARQUES PP (37.558 votos)

4° – JULIÃO AMIN PDT (31.537 votos)

5° – DAVI ALVES SILVA JUNIOR PR (27.605 votos)

COLIGAÇÃO (MDB / PV / PSD / PSC / PMB / PRP)

1° – WOLMER ARAUJO PV (64.619 votos)

2° – VICTOR MENDES MDB (61.136 votos)

3° – LUANA COSTA PSC (31.966 votos)

4° – RICARDO MURAD PRP (NÃO FOI COMPUTADO)

5° – DR. DANIEL FIIM PV (22.400 votos)

6° – TRINCHÃO PSD (16.175 votos)

COLIGAÇÃO (PMN / PHS)

1° – JOSIVALDO JP PHS (23.113 votos)

2° – PROF. SÁ MARQUES PHS (23.050 votos)

3° – JARDEL BOMJARDIM PHS (17.256 votos)

4° – EDUARDO SÁ PHS (9.252 votos)

COLIGAÇÃO (PSDB / REDE / PODE / DC)

1° – Sebastião Madeira (34.821 votos)

2° – WALDIR MARANHÃO PSDB (21.254 votos)

3° – CHIQUINHO PSDB (8.273 votos)

4° – FRAZÃO OLIVEIRA REDE (4.451 votos)

SUPLÊNCIA DO PT QUE SAIU SOZINHO

1° – DR. ZE FRANCISCO PT (14.456 votos)

2° – DR. ORLANDO PT (9.963 votos)

3° – MONTEIRO PT (9.390 votos)

 

Prefeita Conceição garantiu votação expressiva aos seus candidatos em São Vicente Ferrer

Apoiando Marcelo Tavares (PSB), Márcio Jerry (PC do B), e o governador Flávio Dino (PC do B), a Prefeita Conceição mostrou força e garantiu expressiva votação aos seus candidatos 

Realizando uma boa gestão, a prefeita Conceição Castro (PP), teve resultado positivo e garantiu uma votação expressiva para seus candidatos nas eleições do último domingo (7). Apoiando Marcelo Tavares, deputado estadual e Marcio Jerry, deputado federal, ambos tiveram uma excelente votação na cidade, 1.497 e 1.188 votos, respectivamente.

Já o governador Flávio Dino obteve 67,74% dos votos na cidade, com 5,988 eleitores que apostaram no governador reeleito.

A prefeita Conceição não apenas mostrou força política como também garantiu apoios necessários para continuar realizando importantes obras em São Vicente Ferrer.

Em tempo: 9.362 eleitores compareceram às urnas no município de São Vicente Ferrer.