BLOG VEJA AGORA - Notícias com veracidade dos fatos

Veja Agora!!! Andrea Murad desfilia-se do MDB…

Como previsto, a deputada estadual Andrea Murad se desfiliou do MDB. Os documentos foram protocolados nesta quarta-feira (4) e o ato já foi comunicado à Justiça Eleitoral.

Andrea Murad vai se filiar ao PRP nesta sexta-feira (6), legenda que também faz parte Ricardo Murad, pai da parlamentar.
 
“Estive no MDB desde 2004, ou seja, há 14 anos, bastante tempo. Sou muito grata por esse período que passei no partido e pela confiança que a população depositou em mim para representá-la na Assembleia Legislativa. Estamos em um novo ano eleitoral,  focados em novos projetos e atendendo aos anseios do povo. Será um grande desafio, mas estamos preparados e animados para este pleito!”, declarou Andrea.
 
Andrea também vem declarando sua pré-candidatura para uma vaga na Câmara dos Deputados, decisão que se consolidará na convenção partidária.
 
Até lá a deputada vai trabalhar pelo engajamento do partido e a participação da legenda nas eleições majoritárias.

Gêmeas, Lízia e Liara comemoram batizado com festa

Comemoração do batizado de Lízia e Liara foi realizado com muita animação em Independência – MA

Os pais Lidivam Monteiro e Isabel Cristina, capricharam na festa de comemoração de batizado das filhas gêmeas, Lizia e Liara, no último sábado (31). As pequenas Lizia e Liara fizera a festa com os convidados.

Com o tema um tema mais do que legal, a decoração da festa foi realizada na área de vivência na residência dos avós das gêmeas, em Independência, bairro de Peritoró.

Que Deus possa abençoar a família e a vida das pequenas Lizia e Liara!!!

Duarte Júnior, emitiu nota após a notícia de uma representação eleitoral protocolada contra ele no Ministério Público

Veja Agora:

Não tenho conhecimento de nenhuma das ações acima citadas. Como jurista e gestor público, tenho pleno conhecimento dos meus direitos e, principalmente, das minhas obrigações e dos meus deveres. 

Não há qualquer condenação contra mim ou contra minha gestão, sou ficha limpa.
Casos como esses tratam-se de tentativas incongruentes e infundadas de atingir a minha honra e os resultados do meu trabalho.

Prefeita Conceição Castro, de São Vicente confirma apoio a Márcio Jerry

Em encontro que contou com a presença do governador Flávio Dino, prefeita de São Vicente confirmou apoio a Marcio Jerry

Encontro que contou com a participação do governador Flávio Dino (PC do B), a prefeita de São Vicente confirmou apoio à candidatura de Márcio Jerry à Camara dos Deputados.

Conceição Castro, participou do encontro em São Luís em que declarou apoio a Jerry. Ela confirmou que seu grupo político vai se empenhar ao máximo para garantir uma boa votação aos seus candidatos, ela estava acompanhada do secretário de Finanças, Fabinho Ferreira, do ex-prefeito da cidade, Cabo Freitas e familiares.

Flávio Dino, durante sua fala fez um agradecimento à prefeita Conceiçã e disse que tem fortalecido as ações do Governo do Estado na cidade administrada pela companheira.

Deputado Júnior Verde capota carro próximo a Vargem Grande

O deputado estadual Júnior Verde (PRB), sofreu um acidente de carro na manhã deste domingo (25), na altura do município de Vargem Grande. Segundo informações, o veículo aquaplanou devido à forte chuva. O parlamentar que estava na companhia de um amigo foram socorridos por um motorista de uma van que passava pela local no momento do acidente e levado para o hospital São Domingos, em São Luís, ambos já estão em casa e passam bem.

Júnior Verde estava indo para a cidade de Afonso Cunha onde iria participar de reuniões políticas e inaugurações.

1ª USC realiza grande Ação Cívico Social na região Divinéia/Turú/Sol e Mar/Luizão

O major Holanda, comandante da Unidade, afirma que este é o verdadeiro sentimento da Polícia Militar do Maranhão, de estar próximo à comunidade, prestando serviço de cunho educativo e social

Em comemoração ao dia das mulhers, a 1ª USC (Unidade de Segurança Comunitária), da Divinéia, realiza amanhã (24), uma grande Ação Cívico Social. Durante todo o dia, em parceria com lideranças comunitárias e demais parceiros, a Ação Social realizará um café da manhã, expedção de documentos, testes rápidos de HIV, Hepatite e Sífilis, Palestras, Atendimento Psicológico, Sessão de Beleza, Sorteios de Brindes e muito mais.

Vereador Astro de Ogum homenageia ex-presidentes da Câmara Municipal

Astro de Ogum entrega placa a Pereirinha, ao lado do prefeito Edivaldo Holanda Júnior e dos vereadores Honorato Fernandes, Marquinhos, e Josué Pinheiro

Uma sessão solene marcou a entrega de placas em homenagens aos ex-presidentes da Câmara Municipal de São Luís. O evento foi realizado nesta quarta-feira (21) numa proposta do atual presidente da Câmara, vereador Astro de Ogum (PR), por meio do requerimento 078/2018.

Objetivo da solenidade foi lembrar o serviço prestado pelos ex-presidentes que ainda estão vivos e trabalharam com dedicação para o crescimento do Legislativo Ludovicense. Enoque Almeida Filho, Edivaldo Holanda, Manoel Ribeiro, Deco Soares, Pavão Filho, Chico Carvalho, Sousa Bentivi, Ivan Sarney e Isaias Pereirinha receberam placas de honra ao mérito.

Segundo o vereador Astro de Ogum, a sessão marca o começo das comemorações dos 400 anos da Câmara Municipal de São Luís, a quarta casa legislativa do Brasil. “Vamos comemorar esta data não apenas com festa, mas lembrando das pessoas que ajudaram construir a história. A participação de todos os ex-presidentes foi fundamental para o avanço do parlamento são-luisense”, exclamou.

Para o ex-presidente e deputado estadual Edivaldo Holanda Braga, a Câmara Municipal é a escola que todo político deveria iniciar a carreira. “Tive a honra de presidir essa casa em momento importante para história da política maranhense. Me sinto honrado por ser homenageado por um companheiro que ocupa atualmente a mesma cadeira que um dia ocupei”, disse.

O presidente Astro ainda destacou que sempre teve vontade de homenagem os ex-parlamentares em vida.

“Estou há três anos na presidência da casa e nunca imaginei ocupar esse lugar nem por brincadeira. Hoje me sinto feliz em homenagear esses homens que ainda

destacou que sempre teve vontade de homenagem os ex-parlamentares em vida.

“Estou há três anos na presidência da casa e nunca imaginei ocupar esse lugar nem por brincadeira. Hoje me sinto feliz em homenagear esses homens que ainda contribuem e muito para a política do nosso estado”, afirmou.

Texto: Daniel Matos 

Não, Marielle não foi casada com Marcinho VP, não engravidou aos 16 e não foi eleita pelo Comando Vermelho

Uma série de informações falsas circulam nas redes sociais desde a morte da vereadora carioca Marielle Franco (PSOL) na noite da última quarta-feira (14). Uma corrente de WhatsApp reproduzida pela desembargadora do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro Marilia Castro Neves e um tweet do deputado federal Alberto Fraga (DEM-DF) replicaram o boato de que Marielle foi casada com um traficante e tinha associação com o crime. O tweet do deputado foi deletado, mas o estrago já estava feito: nada disso é verdade.

Morta na última quarta-feira (14), Marielle tinha 38 anos de idade e uma filha de 19, chamada Luyara Santos. Isso significa que ela engravidou entre os 18 e 19 anos — e não aos 16.

“Mataram a minha mãe e mais 46 mil eleitores! Nós seremos resistência porque você foi luta! Te amo”, escreveu sua filha nas redes sociais.

Conforme já mostrou o site Boatos.org, Marielle nunca foi casada com ex-traficante — seja lá qual Marcinho VP a corrente de WhatsApp insinua ser. É que existem dois Marcinhos: Márcio Amaro de Oliveira, traficante carioca que atuava na favela Santa Marta, em Botafogo, zona sul do Rio, e Márcio dos Santos Nepomuceno, traficante carioca do Complexo do Alemão, zona norte da capital fluminense.

O primeiro morreu em 2003, dentro do presídio de Bangu 3, e é o personagem central do livro “Abusado”, do jornalista Caco Barcellos. Integrante do Comando Vermelho, estava preso desde abril de 2000, quando foi encontrado no Morro do Falet, no Rio Comprido, zona norte do Rio. Ele estava foragido desde 1997 fora do Rio. Ou seja, a cronologia não bate: na época de sua prisão, Marielle tinha em torno de 20 anos, já tinha uma filha e estudava em pré-vestibular comunitário na Maré. Antes disso, ele sequer estava no Rio.

O Marcinho VP menos midiático é Márcio dos Santos Nepomuceno, preso desde 1997. Foi capturado em Porto Alegre, mas, desde então, também já esteve em Mossoró, no Rio Grande do Norte, e em Catanduvas, no Paraná. A data e os locais também inviabilizam a narrativa de que Marielle fora casada com o traficante.

Por Tai Nalon e Ana Rita Cunha

Veja Agora!!! Ex-prefeito de Belágua tem direitos políticos suspensos por cinco anos

O ex-prefeito de Belágua, Manoel Diniz, condenado por improbidade administrativa, não obteve êxito em seu recurso de apelação contra a sentença que determinou a suspensão de seus direitos políticos por cinco anos, além da proibição de contratar com o Poder Público pelo mesmo período. A 5ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA) foi desfavorável aos pedidos do ex-prefeito e manteve o entendimento da Vara única da Comarca de Urbano Santos, assinada pela juíza Cinthía de Sousa Facundo.

Também foi mantida a condenação de Diniz ao pagamento de multa civil de R$ 570.004,89, correspondente ao valor do dano causado, e ressarcimento integral de igual quantia ao erário, acrescida de correção monetária e juros de 1% ao mês, contados do efetivo prejuízo. O ex-prefeito teve as contas referentes ao exercício financeiro de 2008 julgadas irregulares pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE-MA), pela prática de irregularidades na execução orçamentária.

O ex-gestor alegou ao órgão colegiado do TJMA que houve cerceamento do direito de defesa e contraditório e pediu nulidade da notificação lançada pelo TCE. Sustentou, ainda, que a Lei 8.429/92 não é aplicável aos agentes públicos e o descumprimento dos prazos regimentais da Lei Orgânica do Tribunal de Contas.

O relator, desembargador José de Ribamar Castro, analisou as diversas preliminares apresentadas pelo ex-prefeito e rejeitou todas elas. Lembrou que é entendimento de tribunais superiores de que não há vedação à aplicação das penalidades da Lei de Improbidade Administrativa aos agentes políticos.

Quanto às outras alegações do ex-prefeito, Ribamar Castro destacou que, pela simples leitura de norma da Lei Orgânica do TCE, não há necessidade de recebimento pessoal da citação por parte do apelante, bem como o fato de que fora realizada defesa no procedimento administrativo, o que afastaria qualquer nulidade indicada.

No tocante ao descumprimento dos prazos de elaboração de relatórios prévios e de julgamentos estabelecidos pela Constituição Federal e pelo Regimento Interno do TCE, segundo o relator, não há fundamentação apta a sustentar a alegação do ex-prefeito, pois conforme indicado pela Procuradoria Geral de Justiça, o descumprimento não tem o condão de gerar qualquer nulidade processual.

O desembargador observou que o Juízo de primeira instância refutou, ponto a ponto, as alegações levantadas na defesa do ex-prefeito; frisou que fora realizado julgamento das “contas de gestão”, as quais são julgadas em definitivo pela Corte de Contas.

O relator entendeu que, pelo julgamento do TCE, restou incontestável a prática de atos de improbidade administrativa, consistentes na ausência de licitação para aquisição de materiais e equipamentos hospitalares, locação de veículos, aquisição de produtos de limpeza e prestação de serviços elétricos e hidráulicos, bem como a falta de comunicação desses procedimentos administrativos de dispensa e inexigibilidade ao TCE.

Ribamar Castro concluiu como presente o dolo na conduta do então prefeito e manteve integralmente a sentença de primeira instância, voto este acompanhado pelo desembargador Raimundo Barros e pela juíza Alessandra Arcangeli, convocada para compor quórum.