Blog Veja Agora | Com Junior Araujo - Notícia com veracidade dos fatos

SANSÃO FOI ENCONTARADO

19/08/2021

Nesta manhã família de Sansão, recebeu contato informando que ele tinha sido visto na feira da Vila Luizão. Como ele estava ainda assustado correu e amigos de motos tentaram segui-lo, mas sem sucesso, até que um dos motoqueiros que se encontrou com familiares recebeu ligação de que ele está embaixo de caminhão próximo a UPA SA Vila Luizão.

Chegando ao local, Sansão assustado não saia debaixo do caminhão, sendo necessário sua tutora entrar debaixo e puxa-lo.

Enfim, foi resgatado e está sob cuidado de seus tutores que agradecem o apoio de todos.

Agradecemos a todos os envolvidos e pedimos informarem seus amigos para evitar compartilhamentos desnecessários.

Atenciosamente,

_- ANA-Associação Novo Araçagy_
_- Pacto pela Paz do Araçagy_

Felipe Camarão participa de encontro com ex-presidente Lula

O secretário de Estado da Educação, Felipe Camarão, esteve ontem (18) no Palácio dos Leões, participando do jantar de recepção ao ex-presidente Lula, promovido pelo governador Flávio Dino (PSB).

Felipe Camarão tem grande admiração pela pessoa do Lula, por tudo o que o ex-presidente representa para o país. O jovem político declarou em suas redes sociais que mostrará mais do seu brilhante trabalho ao grande líder da política nacional.

“Seja muito bem-vindo, meu presidente! Amanhã mostraremos ao senhor que o Maranhão é o estado das oportunidades, da educação transformadora e do Escola Digna”, escreveu.

Ivaldo Rodrigues presta condolências por falecimento de Manoel Conceição

O secretário Adjunto da SAF, Ivaldo Rodrigues, publicou em suas redes sociais uma nota de pesar expressando seus profundos sentimentos pelo falecimento do líder rural e sindical, Manoel da Conceição Santos.

“Manoel Conceição Santos foi um dos maiores articuladores da luta rural em resistência ao regime militar no país. Começou organizando o sindicato dos trabalhadores rurais no Vale do Pindaré, posteriormente contribuiu na organização de entidades importantes no cenário nacional como a Central Única dos Trabalhadores – CUT, o Partido dos Trabalhadores -PT e o Centro de Educação e Cultura do Trabalhador Rural – CENTRU. Desejo forças à toda família e amigos de Manoel, descanse em paz”, homenageou.

“De mãos dadas e olhando para o futuro. Lula é hoje, de novo, a melhor opção para o Brasil” diz Júlio Mendonça

“Ontem (18), estive no Palácio dos Leões, durante um jantar, com o governador Flávio Dino, colegas secretários, deputados e com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que veio ao Maranhão cumprir agenda política. Aproveitei a oportunidade para reinterar meu apoio ao ex- presidente Lula, por projetar um país melhor e por acreditar que esse é o melhor caminho para o desenvolvimento do Maranhão.

Na minha avaliação, não existe nada mais antiético em um país do que a injustiça social. Qual o governo que sempre tomou medidas e adotou práticas, programas que façam com que a injustiça social diminua? Falo com convicção que foi o Lula. Esse sim é o divisor de águas da ética. Combater a corrupção é obrigação.

Estarei trilhando no caminho certo. Juntos somos fortes. #Abaixadavemforte”

Disse: Júlio Mendonça- Presidente da Agência de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural.

Veja Agora: Josimar vota a favor da educação e derruba votos a favor do congelamento de salário dos professores

Firmando o seu compromisso com a educação, o deputado Josimar Maranhãozinho, votou a favor do recurso contrário ao Projeto de Lei REC N° 108/2011 – PL 3776/2008, que congela o salário dos professores.

Foram 225 votos favoráveis e 222 votos contra. O plenário da Câmara Federal rejeitou o Projeto de Lei 3776/08, do Poder Executivo, que reajusta o piso salarial nacional dos professores pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) acumulado nos 12 meses anteriores.

Pelo Maranhão, a maioria dos deputados Bolsonaristas, como Aluísio Mendes (PSC/MA), votaram a favor do congelamento. A intenção do governo Bolsonaro era que o reajuste só ocorresse baseado no INPC, o que na prática não é um aumento real.

De acordo com o sistema de votação da Câmara Federal, o recurso 108/2011 teve a participação de 16 deputados maranhense.

Veja como foi a votação:

VEREADOR EDSON GAGUNHO, ANUNCIA APOIO A PAULO VICTOR NA DISPUTA PELA PRESIDÊNCIA DA CÂMARA DE SÃO LUÍS

Vereador Edson Gaguinho declara apoio a Paulo Victor e diz que chegada dele à presidência da Casa não criará dificuldades ao prefeito Eduardo Braide

O vereador Edson Gaguinho (DEM), vice-líder do bloco governista na Câmara de São Luís, declarou em entrevista exclusiva à Rádio Nova FM (93.1 MHz), na noite desta terça-feira (17), que vai apoiar o vereador Paulo Victor (PCdoB) na disputa pela presidência da Casa, na próxima eleição da Mesa Diretora da Casa, prevista para a primeira quinzena de abril do ano que vem.

“O Paulo é um amigo, Paulo é um irmão, o Paulo tem construído [a candidatura] entre os colegas. Eu acho que o Paulo Victor é um cara preparado, não desmerecendo os outros candidatos, mas hoje faço parte do grupo do Paulo Victor”, afirmou o parlamentar.

Entrevistado no programa Questão de Ordem, pelos apresentadores Marcelo MinardKarol SampaioIsaías Rocha e Thales Castro, Gaguinho também negou que Paulo Victor venha criar dificuldades para a gestão do prefeito Eduardo Braide (Podemos) na presidência da Casa. Ele afirmou ainda que a eleição da Mesa Diretora era uma questão da própria Câmara.

“Nós estamos ajudando ele [Paulo Victor] a construir esse grupo vencedor. É um grupo que não vai ser contra a Prefeitura de São Luís, eu faço parte do grupo do prefeito na Câmara, sou vice-líder do bloco do prefeito (…). É uma questão da nossa eleição lá em dois em dois anos. Eu acredito que nesse grupo, que é um grupo vencedor. Não tem nada ganho e meu candidato é o Paulo Victor”, concluiu.

O parlamentar abriu o bate-papo falando da visita do vice-governador Carlos Brandão (PSDB), nesta terça-feira (17), ao Instituto Bem-Estar, mantido pelo vereador Edson Gaguinho, na Vila Riod. Ele também falou sobre o almoço inesperado com o vice-governador que reuniu várias lideranças políticas no Restaurante Porto Seguro, próximo ao Mercado do Peixe, no Centro de São Luís.

Por: Isaias Rocha

Veja Agora: Juíza eleitoral cassa mandato de prefeito e vice de Guimarães por compra de votos

Prefeito de Guimarães

A juíza da 30ª Zona Eleitoral, Mara Carneiro de Paula Pessoa, cassou o mandato do prefeito e vice de Guimarães, Osvaldo Luís Gomes e Maxwell e Silva Pereira e os tornou inelegíveis por compra de votos e abuso de autoridade durante as eleições de 2020.

A sentença foi baseada na Ação de Investigação ajuízada pela coligação “A verdadeira Mudança” contra os gestores e mais duas pessoas que estariam envolvidas nos ilícitos.

Segundo os autos, a parte autora sustentou que Osvaldo e Maxwell juntamente com Délcio de Castro Barros, o coronel Castro, e Diego Leite Barros praticaram captação ilícita de sufrágio (compra de votos) e abuso do poder econômico, de autoridade, político ou dos meios de comunicação social.

O documento narra que o prefeito e o seu grupo político forneceram combustível a diversos eleitores no posto de gasolina com contrato junto a Prefeitura Municipal de Guimarães durante o período eleitoral.

Além disso, foi registrada compra de votos em uma residência localizada na Avenida Celso Coutinho/José Bruno Barros, s/n, em frente à escola Nossa Senhora da Assunção, em Guimarães /MA, onde, após diligência de busca e apreensão, foram encontrados os seguintes bens: a quantia de R$27.640,00 mil, em notas trocadas, centenas de santinhos do então candidato a prefeito Osvaldo Gomes, adesivos, milhares de santinhos de diversos candidatos a vereador do partido PDB.

Osvaldo Gomes também teria cometido abuso de poder político através do uso da máquina pública para promoção em período eleitoral proscrita nos 3 meses anteriores ao pleito, nos termos do art. 73, VI, “c” da Lei nº 9.504/97.

Para magistrada, os fatos são graves e que os depoimentos de testemunhas são suficientes para comprovar o abuso do poder econômico e político por parte dos investigados.

A juíza eleitoral declarou nulos todos votos dados ao prefeito e vice de Guimarães nas eleições de 2020, cassou o diploma dos gestores e aplicou multa de R$ 40 mil a cada um devido a acentuada gravidade dos fatos, e a quantia movimentada no esquema, bem como as condições financeiras dos investigados.

Mara Carneiro ainda determinou o encaminhamento de cópias dos autos ao Ministério Público para oferecer denúncia ou requisitar instauração de inquérito para apurar, eventuais crimes ou atos de improbidade administrativa.