Blog Veja Agora | Com Junior Araujo - Notícia com veracidade dos fatos

Urgente!!!! Navio é afundado propositalmente pode ter seguro milionário e a carga de minério também.

A polícia federal e as autoridades competentes devem continuar com as investigações sobre o possível encalhe proposital do navio sul-coreano MV STELLA BANNER. Como já é de conhecimento das autoridades, a empresa Polares Shipping -proprietária do navio- já possui histórico de naufrágio e com o desaparecimento de 22 tripulantes. Segundo o comandante do navio Stella, a manobra proposital até o banco de areia foi consequência de uma avaria no casco do navio.

Essa versão para muitos especialistas na questão, não convence, já que o navio estava apenas a 100 quilômetros do porto Ponta da Madeira; e se a VALE vistoriou o navio antes do carregamento, o laudo foi favorável para o desdobramento das operações como todo.

Então o que ocasionou essa avaria que provocou o encalhe proposital em uma distância de apenas 100 quilômetros do porto? já que o percurso é todo sinalizado? O que levou as autoridades a se livrarem de um navio de grande porte com mais de 340 metros de comprimento e 55 de largura em um espaço curto de tempo? Bem da verdade; as causas, circunstâncias e responsabilidades desse desastre envolvendo o navio de grande porte Stella Banner, têm  que ser investigado por todos os órgãos responsáveis para que a sociedade como todo tenha um laudo conclusivo e convincente, além de averiguar as razões de afundar o navio propositalmente em tempo relâmpago – que tão próximo à costa- poderia ter outras utilidades para o Estado; e se não houve danos ambientais realmente.

Os culpados pela negligência vão ser atuados e responsabilizados judicialmente? Estamos em um mundo onde a espionagem chegou até o fundo do nosso quintal, então todo o cuidado é pouco. Devemos lembrar que até hoje não se sabe o porquê de todos os nossos técnicos estarem tão próximos da explosão na Base de Alcântara. A única certeza é que as pretensões do inimigo foram bem sucedidas se é que me entendem. Por outro lado, a VALE, por conta de inúmeras irresponsabilidades operacionais, vem causando milhares de óbitos e colocando milhares de vidas em risco, além de já terem causado desastres ambientais de grandes proporções. Portanto é necessário que as fiscalizações governamentais portuárias imponham o poder de fiscalizar e a VALE acatar e impor as normas de segurança como todo.

Vale lembrar que geralmente o seguro dessas embarcações são feitos em Londres -capital da Inglaterra- e a carga mineral, antes do carregamento. Então a coisa não é tão simples assim.

Por: Passagem Franca em Foco

 
Acompanhe o Blog Veja Agora também pelo Facebook.
Categoria: Uncategorized