Blog Veja Agora | Com Junior Araujo - Notícia com veracidade dos fatos

Hospital Dr. Carlos Macieira retoma atendimentos com 100% da capacidade

OS usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) que precisarem fazer alguma consulta ou exame no Hospital Dr. Carlos Macieira (HCM) podem contar com 100% da capacidade ambulatorial da unidade. A medida segue a proposta do Governo do Estado de retomada dos serviços destinados ao tratamento de outras comorbidades, conforme a mudança do cenário de pandemia causado pelo novo coronavírus.

“O Governo do Estado tem mostrado que o SUS é importante e por isso precisa ser valorizado. Com a retomada dos serviços no HCM, nosso propósito é dar condições para que a população maranhense possa ter acesso com segurança aos procedimentos ambulatoriais. Assim, seguimos cumprindo o nosso papel e a nossa missão de cuidar das pessoas”, disse o secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula.

Segundo o diretor geral do HCM, Edilson Medeiros, o fluxo não será alterado, visto que manterá os horários e dias agendados para cada paciente. “A retomada de 100% da capacidade vai propiciar ao usuário, no menor tempo possível, o atendimento que foi suspenso em razão da pandemia. São procedimentos que não podem mais aguardar e que promoverão o retorno da normalidade de forma igualitária a todos os pacientes”, comentou.

O agendamento pode ser realizado pelo Disque Saúde, e o atendimento irá priorizar os agendamentos já realizados e que precisaram ser suspensos por conta da pandemia. Além do HCM, os usuários do SUS podem recorrer ao atendimento ambulatorial nas Policlínicas Cidade Operária, Diamante, Vila Luizão e Vinhais, na Unidade de Especialidades Odontológicas (Sorrir), assim como procedimentos no Hospital de Câncer do Maranhão e ambulatórios dos Hospitais Dr. Genésio Rêgo e o Complexo Infantil Dr. Juvêncio Mattos.

Assistência Covid-19 

Mesmo com o retorno de 100% do atendimento ambulatorial, com consultas e exames, o Hospital Dr. Carlos Macieira (HCM) se mantém como referência para os casos graves de coronavírus na capital maranhense. Para isso, a unidade mantém o quantitativo de 30 leitos de UTI adulto e 8 leitos de UTI Pediátrica, recebendo pacientes encaminhados das Unidades de Pronto Atendimento (UPA), bem como os pacientes regulados de Hospitais Regionais e Macrorregionais.

 
Acompanhe o Blog Veja Agora também pelo Facebook.
Categoria: Uncategorized