Blog Veja Agora | Com Junior Araujo - Notícia com veracidade dos fatos

Após perder apoio de deputada do DEM, Neto Evangelista agora é rejeitado por filiados do PSL

_Prefeiturável que quer virar um “jabuti trepado”, pelas mãos do senador Weverton Rocha, está encontrando dificuldades para convencer os próprios aliados_

Diferente do que os “caciques” tentam evidenciar, a situação do deputado estadual Neto Evangelista, pré-candidato a prefeito de São Luís pelo Democratas, está indo de mal a pior. O prefeiturável vem enfrentando uma situação complicada interna e externa, para consolidar seu nome na sucessão municipal.

Em menos de 25 dias, Evangelista que tenta virar um “jabuti trepado”, pelas mãos do senador Weverton Rocha, sofreu importantes baixas em seu grupo. Depois de ser trocado por Duarte Júnior (Republicanos) pela própria colega de partido Daniela Tema, agora foi a vez de filiados do PSL rejeitarem o ‘jabuti’ de Weverton.

Em carta encaminhada ao presidente do Partido Social Liberal( PSL), Francisco Carvalho, o delgado aposentando Sebastião Uchoa pediu sua desfiliação da sigla por não querer apoiar o pré-candidato do DEMOcratas.

“Como o Partido Social Liberal(PSL) já fechou apoio ao deputado Neto Evangelista(DEM), embora tenha meu carinho e respeito ao mesmo, penso ser um contrassenso e antiético me manter nos quadros do PSL, apoiando outro candidato que não o sob orientação nacional”, explicou Uchoa.

Ainda no documento, da mesma forma que a deputada Daniela Tema trocou Neto por Duarte Júnior, o delegado externa que irá apoiar o pré-candidato Eduardo Braide (Podemos). A decisão, de forma reflexa, atinge o próprio filiado que abriu mão de ser um dos pré-candidatos a vereador pelo PSL para não apoiar Neto. A tendência é que outros postulantes à Câmara Municipal tomem a mesma posição.

“Assim, com a presente reitero acerca da minha desistência do pleito em tela, circunstância em que requeiro providências no sentido de proceder minha desfiliação do PSL, na forma da lei”, solicitou Uchoa.

Nos bastidores, comenta-se que a situação estaria provocando uma enorme insônia ao senador Weverton que, diante da atual conjuntura, poderá vê ruir a queda de uma dinastia de mais de três décadas frente do Executivo Ludovicense.

 
Acompanhe o Blog Veja Agora também pelo Facebook.
Categoria: Uncategorized