Prefeito Josemar
Blog Veja Agora | Com Junior Araujo - Notícia com veracidade dos fatos

Prefeitura de Paço do Lumiar começa a pagar primeira parcela do 13º salário na próxima quarta-feira (20)

logomarca-da-prfeitura-de-paço-do-lumiar.

A Prefeitura de Paço do Lumiar inicia, no próximo dia 20 de julho, o repasse da primeira parcela do 13º salário de 2016.  O pagamento será creditado nas contas dos servidores de acordo com uma programação definida por órgão de lotação no município.

Pelo calendário da Secretaria de Administração e Finanças (SEMAF), os servidores da Secretaria Municipal de Educação (SEMED) terão seus benefícios depositados já nesta quarta-feira (20), com destaque para a categoria dos professores. Já no dia 20 de agosto, será a vez da SEMAF e as secretarias vinculadas a ela. O escalonamento prossegue pela Secretaria de Desenvolvimento Social (SEMDES), na data de 20 de setembro, finalizando em 15 de novembro, pelos funcionários da Saúde.

A programação foi iniciada pelos aposentados e pensionistas do PrevPaço, os primeiros beneficiados com a medida, que tiveram os 50% do 13º  disponibilizados ainda no mês de junho.

A legislação prevê que a primeira parcela deve ser quitada até o dia 30 de novembro, e mesmo com a crise econômica que atinge o país, e que tem provocado inúmeras perdas financeiras para as cidades e estados da federação, Paço do Lumiar fará o repasse da primeira parcela do 13º salário antes do fim do prazo.

“Mesmo em um momento financeiro difícil para o município, estamos trabalhando para liquidar esta primeira parcela, que corresponde a 50% das vantagens. Tal ação só foi possível graças ao ajustamento financeiro feito com responsabilidade nas contas municipais”, enfatizou o titular da SEMAF, Gean Monteiro.

Semed e Plan firmam parceria para inclusão social de crianças e jovens em Paço do Lumiar

Plan

Com o intuito de avaliar e ampliar a parceria para o desenvolvimento de projetos de formação cidadã de alunos rede de ensino municipal, a Secretaria de Educação (Semed) de Paço do Lumiar recebeu, esta semana, a visita de representantes da Organização Não Governamental Plan International.

O encontro foi presidido pelo secretário de Educação, Júlio Sales, que reafirmou à equipe o interesse em manter a parceria solidificada com a instituição, garantindo, desta forma a continuidade das ações de inclusão social realizadas pelas duas entidades em benefício dos cidadãos luminenses.

“Desde o início da atual gestão temos desenvolvido projetos nas comunidades e escolas municipais em prol da proteção de crianças e adolescentes e contra a violência e abusos de todo tipo, contra a pobreza, a desigualdade e a degradação do meio ambiente e por uma boa alimentação, saúde e educação. Esse foi um encontro bastante produtivo, uma vez que tivemos a oportunidade de avaliar os trabalhos já realizados bem como de planejarmos as próximas ações”, destacou Júlio Sales.

O secretário fez uma explanação acerca dos projetos executados pela ONG no município de Paço do Lumiar, como por exemplo, o “Cambalhotas”, no Cumbique; o “Futebol” e o “Projeto Geração”, ambos na Pindoba.  “Esses projetos tem como objetivo assegurar que meninas e meninos com idades entre 11 e 14 anos sejam estimulados para concluir sua educação básica, focando no desenvolvimento de suas habilidades para a vida, bem como educação financeira e empreendimentos sociais em um ambiente escolar inclusivo e seguro, acompanhando a transição do ensino fundamental para o médio”, explicou.

As atividades acontecem nas escolas UEB Benjamim Peixôto, UEB Luís Pires da Fonseca e UI Tácito Caldas desde 2015, atendendo a cerca de 60 alunos que participam de oficinas socioeducativas sobre educação social e financeira por meio da metodologia Aflatoun, que éuma rede de organizações não governamentais que desde 2005 já ensinou um total de 500 mil crianças de 25 países a enveredar pelo mundo do micro empreendedorismo, financeiro e social.

Além do Secretário Municipal de Educação, professor Júlio Sales, participaram da reunião técnicos da SEMED; Fabiane Sereno, líder de projetos da Plan International Brasil; Any Parker, especialista em educação da Plan International Inglaterra; Mateus Luterfo, gerente de operações de programas da Plan Internacional Brasil e Nadja Calabria, representante da Aflatoun.

SOBRE A PLAN INTERNATIONAL

A entidade é uma organização não-governamental humanitária, sem filiação política ou religiosa, presente em 70 países, sendo uma das maiores e mais antigas organizações que atuam pelo desenvolvimento das crianças do mundo, por meio de projetos sociais com o compromisso de garantir que as crianças tenham acesso aos seus direitos.

No Brasil, a Plan International Brasil desenvolve programas e projetos desde 1997, com o objetivo de capacitar e empoderar crianças, adolescentes e suas comunidades, para que adquiram competências e habilidades que os ajude a transformar a realidade onde vivem.