Junior Araujo | Página 30
Blog Veja Agora | Com Junior Araujo - Notícia com veracidade dos fatos

Escândalo e estelionato envolve o secretário de saúde de São Vicente, braço direito do deputado Júnior Lourenço

Áudio divulgado em primeira mão aqui neste Blog, aponta que o braço direito do deputado federal Júnior Lourenço, o secretário Diego Freitas 

O Blog recebeu um dossiê com promissórias, confissões de dívidas e cheques sem fundos, todos assinados por Thiago Freitas Figueiredo e em parte em nome da empresa Gold, contudo, após receber o dossiê, o titular do Blog analisou que o emitente de alguns cheques e promissórias eram em nome do atual secretário de saúde de São Vicente Férrer, Diego Figueiredo, mas era assinado ou pelo menos colocado na assinatura por seu irmão, Thiago Freitas Figueiredo.

Vereador mais votado em São Vicente Ferrer

Envolvidos em várias negociatas, Diego Freitas articulou para eleger seu pai, em São Vicente Ferrer, o Chicão Figueiredo (PL), como o vereador mais votado na cidade. Algumas fontes nos informaram que dinheiro durante a campanha não foi o problema.

Veja abaixo, uma promissória emitida por Diego Freitas Figueiredo, mas assinada por Thiago Freitas Figueiredo.

 

VEJA AGORA!!!!! Dr. Julinho lança hoje, Plano Municipal de Vacinação contra Covid19

Dr Julinho ao lado do vice Prefeito Junior Lago

O médico e prefeito de São José de Ribamar, Dr. Julinho (PL), lançará ainda hoje (18), o Plano Municipal de Vacinação contra Covid19. A informação foi confirmada pelo secretário de Saúde, Eduardo Buna, ainda no domingo (17), mesmo dia em que a Anvisa autorizou o uso emergencial da CoronaVac para uso emergencial contra a Covid19.

“Finalizamos a elaboração do Plano Municipal de atuação da Vacinação contra a Covid-19.” Disse o secretário, ao anunciar que o prefeito Dr. Julinho oficializará nesta segunda, o lançamento do Plano de Vacinação.

Assim como em outros municípios, a primeira fase de vacinação deve contemplar profissionais da Saúde e idosos acima de 60 anos, o que deve ser confirmado pelo prefeito ribamarense.

Mais cedo, o secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula, postou em suas redes sociais, vídeo recebendo o primeiro lote de vacinas para o Maranhão.

De acordo com o plano nacional de vacinação, as primeiras doses serão enviadas de acordo com o número de habitantes de cada cidade.

Ao todo, o governo federal garantiu a compra de 8 milhões de doses, sendo 6 milhões da CoronaVac e 2 milhões da vacina de Oxford.

Anvisa aprova uso emergencial da vacina CoronaVac e da vacina de Oxford

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou neste domingo (17/1) o uso emergencial das seis milhões de doses da vacina CoronaVac e da vacina da Universidade de Oxford/AstraZeneca. É a primeira vez que a Anvisa concede a autorização para uso emergencial de imunizantes.

Já votaram a favor a diretora relatora dos pedidos, Meiruze Freitas; o diretor substituto da quarta diretoria, Romison Rodrigues; e o diretor da quinta diretoria, Alex Campos.

A diretora Cristiane Jourdan e o diretor-presidente da Anvisa, Antonio Barra Torres, ainda votarão, mas como a decisão é feita por maioria simples, a aprovação está definida pela agência. Mesmo que votem contra a aprovação do uso dos imunizantes em caráter emergencial, a aprovação já estaria garantida já que três votos foram computados a favor.

A decisão do uso emergencial passa a valer assim que houve comunicação oficial com o laboratório. Não há necessidade de publicação no Diário Oficial da União.

Decisão do presidente do TSE faz Eudes Sampaio sofrer mais uma derrota para Dr. Julinho

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luís Roberto Barroso, indeferiu, na última quarta-feira (13), petição protocolada pela Coligação Pra Frente Ribamar, encabeçada pelo ex-prefeito Eudes Sampaio (PTB), a qual buscava o julgamento antecipado, em caráter de urgência, do recurso interposto contra a decisão monocrática de relatoria do ministro Luis Felipe Salomão, que negou seguimento ao recurso especial eleitoral ajuizado por Eudes, atribuindo mais uma derrota à sua Coligação.

Desde a primeira vitória  de Dr. Julinho em São José de Ribamar quando  a Juíza eleitoral, Dra. Tereza Cristina o considerou elegível, o ex-prefeito Eudes Sampaio acumula diversas derrotas na justiça eleitoral. De lá pra cá, tentou mudar o resultado das urnas, por meio de recursos, porém sem êxito.

Após sucessivas derrotas, Eudes tentou em Brasília, recurso especial eleitoral, e obteve mais derrota após o ministro Luís Felipe Salomão, do TSE, decidir, monocraticamente, negar seguimento a tentativa de mudança do resultado, mantendo integralmente a decisão do TRE-MA, e confirmando o registro de candidatura de Dr. Julinho.

Mas, insatisfeito, a defesa de Eudes interpôs outro recurso contra a decisão do relator do caso, dessa vez um agravo interno, para que a decisão do ministro fosse revista pelo colegiado.

Devido ao recesso forense, contudo, o agravo interno interposto não foi imediatamente apreciado, o que ensejou a petição com pedido de tutela de urgência protocolada ainda durante o recesso, e direcionada ao Presidente do TSE, Ministro Luís Roberto Barroso, para que este julgasse imediatamente o agravo interno interposto. No entanto, o ministro Barroso, de acordo com a Ementa da sua decisão, entendeu da seguinte forma: “Não ficou demonstrada a urgência requerida na norma para exame do pedido em regime de plantão, uma vez que o requerente se limitou a alegar que a controvérsia demanda solução urgente, sem especificar em que consistiria o possível dano ou apontar as razões pelas quais entende estar na iminência de sofrê-lo.”.

Não obstante, o presidente do TSE ainda ressaltou que a decisão do ministro Luís Felipe Salomão “está fundamentada na Súmula nº 41/TSE”, segundo a qual “não cabe à justiça eleitoral decidir sobre o aceito ou desacerto nas decisões proferidas por outros órgãos do Judiciário ou dos tribunais de contras que configurem causa de inelegibilidade”.

Diante do indeferimento da petição protocolada, embora ainda caiba julgamento pelo Colegiado do TSE, o ministro Luís Roberto Barroso deixa claro que a decisão do relator se baseou em entendimento sumular do TSE.

Para a dupla Eudes e Luís Fernando, que insiste em tentar mudar a decisão do voto popular, as derrotas acumuladas já estão virando chacota na cidade balneária.

Enquanto Eudes segue com tentativas frustradas na Justiça, Dr. Julinho trabalha para devolver a dignidade aos ribamarenses.

Em primeira mão: Conceição Andrade na Prefeitura e Marco D’éça na Câmara de São Luís

Prefeito Eduardo Braide deve anunciar a ex-prefeita Conceição Andrade como subprefeita; Marco D’éça vai assumir a Comunicação da Câmara Municipal de São Luís

Subprefeitura da Zona Rural 

Segundo informações bem posicionadas ao titular deste Blog, a ex-prefeita Conceição Andrade deve ser mesmo nomeada pelo prefeito Eduardo Braide, como titular da recém criada subprefeitura da Zona Rural de São Luís.

O cargo cai bem na ex-prefeita, uma vez, que quando foi prefeita da Capital, ela potencializou o cinturão verde da Zona Rural, fortaleceu a agricultura familiar e criou as famosas “Feirinhas Livres”, que até hoje atendem a população de São Luís e garantem a geração de renda a centenas de famílias da Zona Rural que vendem seus produtos.

Superintendência da Câmara Municipal de São Luís 

Quem está assumindo a Superintendência de Comunicação da Câmara Municipal de São Luís é o jornalista, escritor e roteirista de cinema, Marco Aurélio D’éça. O presidente da Câmara, Osmar Filho (PDT), deve nomear D’éça para comandar a importante comunicação daquela Casa Legislativa.

O nome do jornalista é grande, compatível com o cargo e da própria Câmara Municipal de São Luís. O atual superintendente,  jornalista e ex-secretário de São José de Ribamar, deve comandar outra missão, também no Legislativo Ludovicense.

TUDO PRONTO ABRE ALAS Com a apresentação de Valeska Furtado e Marcos Martins

Chegou o grande dia para a festa que vai celebrar os 92 anos da Turma de Mangueira, na sede da agremiação no calçadão do João Paulo. A verde e rosa, segunda escola mais antiga do País, completou mais uma primavera no dia 25 de dezembro, mas por conta do Natal, com o apoio da Prefeitura de São Luís, estará comemorando a data a partir das 22:00hs de hoje(16).

No evento, além do show com o sambista Bruno Costa, também haverá desfile de fantasias. A novidade este ano é o acesso limitado ao público, incluindo, desta forma, tanto a comunidade quanto aos amantes do samba, por conta da pandemia do covid 19. Entretanto, de maneira responsável e inteligente, a diretoria resolveu transmitir a comemoração ao vivo pelo canal do YouTube da Turma da Mangueira. (https://www.youtube.com/channel/UCNplhGhNSbBNpde-WRu5G-g).

Veja Agora: Saiu o edital do CONCURSO da POLÍCIA FEDERAL; Confira!

O edital do Concurso público da Polícia Federal foi publicado pelo Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção de Promoção de Eventos – CEBRASPE. São 1.500 vagas para provimento imediato e ainda 500 vagas para formação do cadastro de reserva. Os salários podem chegar até R$ 23.692,74.

O certame é composto por provas objetiva e discursiva, além de teste de aptidão física, avaliação médica e psicológica, dentre outras. As provas objetiva e discursiva estão previstas para a data de 21 de março de 2021.

As inscrições podem ser feitas no período entre 22 de janeiro e 09 de fevereiro de 2021, no endereço eletrônico https://www.cebraspe.org.br/concursos/pf_21. Os valores das taxas de candidatura variam, sendo de R$ 180,00 para os cargos de Agente, Escrivão e Papiloscopista e R$ 250,00 para Delegado. O pagamento deve ser efetuado até 03 de março de 2021.

Eduardo Braide apresenta Plano Municipal de Vacinação

O prefeito Eduardo Braide apresentou, nesta sexta-feira (15), o Plano Municipal de Vacinação contra o novo coronavírus. A primeira fase da campanha deverá durar sete semanas e contemplará profissionais da saúde e idosos acima de 60 anos residentes em instituições de longa permanência.

O plano inclui a criação de um Centro Municipal de Vacinação para centralizar o atendimento, além de assistência médica ao longo de todas as etapas da imunização para garantir a efetividade das vacinas. A imunização da população ludovicense está prevista para começar na quarta-feira (20), segundo cronograma elaborado pelo Ministério da Saúde.

“Desde o início do processo de transição começamos a trabalhar na elaboração do Plano Municipal de Vacinação. Agora com as diretrizes dadas pelo Ministério da Saúde fizemos as adequações necessárias para que possamos começar a vacinar a população imediatamente após a disponibilização das doses. É importante destacar que o plano municipal seguirá as diretrizes do plano nacional elaborado pelo ministério. A população de São Luís também pode ficar tranquila, pois a Prefeitura já tem em estoque todo o quantitativo necessário de agulhas e seringas para realizar a vacinação de todo o público-alvo da primeira fase da campanha bem como local seguro e adequado para acondicionar as doses que forem enviadas para a nossa cidade”, informou o prefeito Eduardo Braide.

Foto: DivulgaçãoNa primeira fase da vacinação serão imunizados cerca de 37 mil profissionais de saúde e 143 idosos em instituições de longa permanência. Os idosos serão vacinados na própria instituição onde residem. Para este público serão disponibilizadas equipes de vacinação que irão fazer a aplicação das doses in loco. Para isto, os idosos serão cadastrados previamente no aplicativo Conecte-SUS, do Ministério da Saúde, que funcionará como uma carteira de vacinação digital e será usado em todo o país durante a Campanha Nacional de Vacinação contra a Covid.

Já os profissionais de saúde se imunizarão no Centro Municipal de Vacinação. Toda a primeira fase durará sete semanas. Nesta etapa serão disponibilizadas doses das vacinas desenvolvidas pelo consórcio da farmacêutica britânica AstraZeneca e da Universidade de Oxford. O lote foi fabricado pelo laboratório indiano Serum e importado pela Fiocruz. Também serão disponibilizadas seis milhões de doses da vacina Coronavac, desenvolvida pela parceria Sinovac-Butantan.

Para que a pessoa possa, de fato, ser imunizada é preciso tomar duas doses da mesma vacina. Por isso, no ato da vacinação o paciente será informado sobre qual tipo de vacina tomou, o lote e o fabricante. Estas informações também serão incluídas no cadastro do paciente no aplicativo Conecte-SUS para que as equipes de vacinação tenham o devido controle. A segunda dose da Coronavac deve ser aplicada três semanas após a primeira. No caso da vacina da AstraZeneca a segunda dose deve ser feita três meses depois.

“Nós estamos com nossa estrutura pronta para atender aos primeiros indicados no público-alvo, conforme estipulado pelo Ministério da Saúde. A partir do momento em que novas doses sejam recebidas, a cobertura será ampliada. A população pode ficar tranquila que a capital está em diálogo constante com o Governo Federal e seu corpo técnico para orientar a população quanto à administração das doses”, afirmou o secretário municipal de Saúde, Joel Nunes.

Centro Municipal de Vacinação

A primeira etapa da vacinação contra a Covid, em São Luís, será realizada no Centro Municipal de Vacinação cujo endereço será divulgado nos próximos dias pela Prefeitura. O espaço terá área de triagem para investigar se o paciente tem condições de ser imunizado. A triagem é fundamental porque quem estiver infectado pelo coronavírus ou quem já teve a Covid-19 só poderá ser vacinado 28 dias após a suspenção dos sintomas.

O Centro também terá sala de apoio onde o cidadão ficará em observação por alguns minutos após a aplicação da dose da vacina para verificar o surgimento de algum possível efeito colateral. Havendo manifestações adversas, equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) prestarão o primeiro atendimento. Se houver o agravamento do quadro e a necessidade de remoção do paciente para uma unidade de saúde, a unidade definida como referência para este tipo de atendimento em São Luís é o Hospital Municipal Dr. Clementino Moura (Socorrão II).

À medida que os números de doses disponibilizadas pelo Ministério da Saúde forem sendo ampliados, o quantitativo do público-alvo e novos pontos de vacinação também serão disponibilizados pela Prefeitura. As demais fases da vacinação vão ser definidas à medida que forem informadas as diretrizes do Plano Nacional de Imunização. Por isso ainda não há datas definidas para outros públicos.

Próximas fases

Segundo o Plano Nacional de Imunização, a segunda fase da vacinação contemplará idosos em geral acima de 60 anos, um público estimado de quase 80 mil pessoas em São Luís. Neste grupo, os idosos que tiverem mobilidade reduzida ou estiverem acamados serão vacinados em casa. A terceira contemplará pessoas que apresentem alguma comorbidade. Os portadores de comorbidades que estiverem acamados também serão vacinados em casa.

Nas etapas seguintes serão imunizados profissionais da educação, pessoas com deficiência permanente severa e não severa, membros das forças de segurança e salvamento, funcionários do sistema de privação de liberdade, trabalhadores do transporte coletivo, aéreo e de carga, população privada de liberdade e população em situação de rua.

O público-alvo das fases de vacinação poderão ser alterados mediante diretrizes do Ministério da Saúde.

Felipe Camarão entrega 50 kits de autores Maranhenses através da Lei Aldir Blanc

“Mais um marco para a Cultura e Educação. Hoje (15/01), entregamos 50 kits com livros de autores maranhenses a 35 municípios e 15 bibliotecas comunitárias pela Lei Aldir BlancMais um marco para a Cultura e Educação. entregamos 50 kits com livros de autores maranhenses a 35 municípios e 15 bibliotecas comunitárias pela Lei Aldir Blanc. Uma ação importante que faz parte de uma ampla política do governo Flávio Dino para fomento à literatura maranhense, à cultura e incentivo à leitura. Já são quase 3 milhões de investimentos na aquisição de livros de autores maranhenses. Tudo isso #PorUmMaranhãoMaisLeitor. Uma ação importante que faz parte de uma ampla política do governo Flávio Dino para fomento à literatura maranhense, à cultura e incentivo à leitura. Já são quase 3 milhões de investimentos na aquisição de livros de autores maranhenses. Tudo isso #PorUmMaranhãoMaisLeitor” ressaltou o Secretário Estadual de Educação Felipe Camarão

 

Veja Agora: Vereador Divalmir tem pleito atendido para implantação do Colégio Militar do Ensino Médio em São José de Ribamar

O vereador Divalmir Cutrim (PV) esteve reunido nesta quinta-feira (14) com o Comandante Geral do Corpo de Bombeiros do Maranhão, Coronel Célio Roberto com o intuito de buscar parcerias e melhorias para São José de Ribamar.

Na ocasião, Divalmir solicitou a criação de um colégio militar de ensino médio para São José de Ribamar. O vereador aproveitou ainda para solicitar a ampliação das escolas militares de ensino fundamental para outras regiões do município e a reativação do posto de salva-vidas na orla marítima da sede, além da criação de outro na praia do Panaquatira.

“Divalmir é um defensor dos ribamarenses e sempre tem buscado apoio e parcerias para o município mesmo antes de ser um vereador. Assim como ele, desejo também que tenha um colégio militar do ensino médio, tendo em vista que já existem duas escolas de ensino fundamental dos bombeiros, mas não tem uma em que os alunos possam dar continuidade em seus estudos”, pontuou o comandante.

O Coronel Célio Roberto assegurou que este semestre a data da implantação da escola será definida. “Garanto que as atividades iniciarão ainda este semestre e São José de Ribamar terá um Colégio Militar 2 de Julho. Aproveito para parabenizar o vereador pela iniciativa e por ser um incentivador, apoiando o nosso projeto”, afirmou o Coronel Célio.

Divalmir demonstrou satisfação com a implantação da instituição no município. “Esse é um sonho antigo e os estudantes sempre me cobravam pedindo para que fosse implantado um colégio militar do ensino médio em nossa cidade e eu afirmava que quando pudesse conversaria com o comandante para que essa ideia fosse concretizada. Sempre falo que tudo é no tempo de Deus e com enorme alegria afirmo: dessa vez os alunos ribamarenses poderão concluir os seus estudos em uma escola militar”, frisou o parlamentar.

Com informações da Assessoria de Comunicação e Imprensa do vereador Divalmir Cutrim